FOLHA DE PARINTINS Jornalismo Livre, Presente e Atuante

arena
28/01/2016 às 07:56 h

Iranduba e Santos empatam pelo Brasileiro Feminino


Na noite desta quarta-feira, o Iranduba da Amazônia fez sua estreia em Manaus, no estádio Ismael Benigno contra o Santos (SP) e acabou empatando, após abrir o placar. O time somou um ponto e lidera junto com o próprio Santos, que está na frente apenas por ter menos cartões amarelos. Ponto positivo foi à casa cheia, com mais de dois mil presentes para ver a estreia do time.


No ritmo da torcida, o Iranduba começou a partida marcando a saída de bola santista. Dava certo, o time recuperava a bola e conseguia pegar a defesa adversária desprevenida, mas faltava contundência ao atacar. Mesmo marcando em cima, o time tinha buracos em seu meio campo, e quando o Santos conseguia sair jogando, tinha um campo aberto para atacar. Ainda assim, poucas chances foram criadas por parte da equipe paulista.

O jogo fluía bem, mas sem grandes chances por partes dos ataques. Pressionando a saída de bola, Kélen roubou a bola e saiu na cara do gol para abrir o placar aos 32 minutos. Infelizmente, após 10 minutos, Ketlen empatou para equipe paulista, no primeiro ataque contundente das sereias da vila.


Na volta para o segundo tempo, os times pareciam bastante desgastados e o jogo ficou mais pegado, com passes errados e muitas divididas, porém longe de ser desleal. O Santos era até melhor, aparentando ter mais experiência e sabendo controlar o cansaço, já as jogadoras do time manauara apostavam no contra-ataque para matar o jogo. Após as mexidas do treinador do Iranduba, Olavo, o Iranduba conseguiu reagir com o incentivo da torcida. As meninas desperdiçaram ao menos três bons contra-ataques por decisões equivocadas e cansaço. Fim de jogo e um ponto para cada equipe.


Iranduba: Maike, Roberta, Karen, Sorriso, Ju, Nilda, Djeni, Sâmia, Mayara, Nathane e Kélen. Técnico: Olavo Dantas.
Santos: Dani; Giovana, Carol Arruda, Calan e Dani Silva; Maria, Sandrinha, Karen; Ketlen, Sole e Moretti. Técnico: Caio Couto.

Reprodução Linha de Fundo
Fotos: Sandro Pereira

Nas melhoras baladas