FOLHA DE PARINTINS Jornalismo Livre, Presente e Atuante

nailha
30/11/2017 às 19:21 h

Contra bloqueios, Bumbás firmam acordo com MPT


Na Semana da Conciliação, Garantido e Caprichoso fazem a acordo com MPT

Os bois Garantido e Caprichoso fizeram acordo com o Ministério Público do Trabalho nesta quinta-feira, 30, na Vara do Trabalho de Parintins  na Semana Nacional de Conciliação para evitar bloqueios judiciais em 2018. Na audiência, estiveram o presidente do Boi Garantido Fabio Cardoso, diretor jurídico Ronaldo Macedo, presidente do Boi Caprichoso Babá Tupinambá e seu diretor financeiro com o juiz do trabalho Sílvio da Silva Neto e a procuradora-geral do Ministério Público do Trabalho Fabiola Salmito Bessa. Ficou acordado que as agremiações irão repassar percentuais de cada cota de patrocínio no Festival 2018, que serão depositados em juízo. 

"Dessa forma iremos andar com os processos que estão em andamento na justiça do Trabalho e evitar esses bloqueios tão prejudiciais para continuidade da temporada", disse o presidente Fábio Cardoso. 

O dirigente explicou que foi acordado ainda que a ação civil pública com o MPT, no processo que investiga a utilização de  MEI - Micro Empresa Individual ficará sobrestada até que os bois comprovem o pagamento dos seus trabalhadores de galpão. "Essa comprovação deve ocorrer em Manaus, na próxima semana. Estamos tranquilos pois ja realizamos os pagamentos e estamos com os comprovantes para entregar Procuradora do MPT", pontuou Fábio. Na audiência desta quinta-feira, os bumbás ainda se comprometeram a contratar 100% de seus trabalhadores em carteira assinada.

Nas melhoras baladas