FOLHA DE PARINTINS Jornalismo Livre, Presente e Atuante

nailha
11/09/2018 às 16:48 h

Parintins registra menos ocorrências policiais em 2018

Números de ocorrências policiais diminuíram em Parintins nos nove primeiros meses do ano


Entre janeiro a início de setembro de 2018, os números de ocorrências policiais diminuíram em Parintins (distante 369 quilômetros de Manaus), em relação ao mesmo período do ano passado.

Somente em relação a tentativas de homicídios, o índice caiu 80%, saindo de 10 para 2 casos. Por outro lado, o número de pessoas presas por tráfico de entorpecentes subiu 100% nesse período, saindo de 40 para 80 presos.

Também entre os índices positivos alcançados pela Polícia Militar no município, esta a redução de 71% no número de homicídios registrados em Parintins nos primeiros nove meses desse ano, em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 17 casos. Esse ano, foram apenas 5 nesse mesmo período.

O número de lesões corporais caiu 33% (de 73 para 49), de estupros 17% (de 6 para 5), de roubos 63% (de 80 para 30) e de furtos 69% (de 212 para 65). Ainda de acordo com os dados do Comando da Polícia do Interior (CPI), o número de pessoas presas portando armas de fogo ilegalmente em Parintins subiu 29%, passando de 17 para 22.

A apreensão de entorpecentes, por outro lado, reduziu 92%. Ano passado, foram 33,83 quilos apreendidos, enquanto em 2018 foram 2,82 quilos apenas.

Investimentos – O Governo do Amazonas voltou a investir em segurança no interior do estado. Nos últimos nove meses, Parintins recebeu benefícios que auxiliaram no combate à violência.  

Foram reativados todos os postos policiais dos principais distritos de Parintins (Vila Amazônia, Cabori, Mocambo e Bom Socorro do Zé Açu). O comando do 11º Batalhão da PM, em Parintins, recebeu três novas viaturas modelo picape, subindo para 8 carros, mais  as 12 motos já em circulação.

Já a Polícia Civil recebeu reforço de 5 policiais civis (3 investigadores e 2 escrivães), aumentando o efetivo de 10 para 15 policiais. Os novos servidores têm auxiliado bastante no trabalho da PC, tanto na sede do município, quanto nas operações que abrangem a Vila Amazônia, Agrovila Cabori e Agrovila Mocambo.

Reajustes - Parintins tem efetivo de 203 policiais militares, que cobrem também Barreirinha, Nhamundá e Boa Vista do Ramos. Para os servidores da PM, o Governo do Estado concedeu reajuste salarial de 24,2% e dobrou o valor do auxílio-alimentação e do auxílio-moradia para quem serve no interior. Além disso, voltou a pagar o auxílio-fardamento que não era pago há cinco anos.

A PM desenvolve três programas voltados às crianças e adolescentes (Ronda Escolar, Pelotão Mirim e Proerd -de combate às drogas) em Parintins. O Conselho Comunitário de Segurança voltou a ser bastante ativo, com a participação de representantes de organizações da sociedade e muito presente junto a comunidades ribeirinhas, com redução de mais da metade dos índices de criminalidade na zona rural.

Nas melhoras baladas