FOLHA DE PARINTINS Jornalismo Livre, Presente e Atuante

foradailha
10/08/2019 às 22:41 h

Cirandas: Justiça interdita Parque do Ingá e galpões

Faltando apenas 20 dias, Festival vive dilema em Manacapuru

Fotos: Reprodução/Facebook.
Fotos: Reprodução/Facebook.

A juíza da 2ª Vara da Infância e Juventude da Comarca de Manacapuru, Dra. Scarlet Braga Barbosa Viana, determinou a interdição do Parque do Ingá, anfiteatro palco do Festival de Cirandas do município. A decisão judicial, expedida nesta sexta-feira (9), é baseada em irregularidades apresentadas como falta de laudo do Corpo de Bombeiros e ausência de rampa e espaço de acessibilidade a pessoas com deficiência (PcD).

Além da falta de acessibilidade, outras irregularidades como a falta de sinalização do local e problemas com a iluminação do Parque do Ingá foram apontadas pelo Ministério Público e Poder Judiciário, o que segundo a decisão judicial, coloca em risco a utilização do espaço. A interdição interrompe os ensaios técnicos das agremiações, que já aconteciam no local, até que a Prefeitura de Manacapuru realize as devidas adequações e manutenções.

Galpões – A decisão determinou, também, a interdição dos galpões das agremiações. Foi identificado o não cumprimento do prazo estipulado pela justiça para a apresentação do laudo do Corpo de Bombeiros, além de adequações de segurança como disposição de extintores de incêndio e sinalização de saídas de emergência, entre outras.

Com isso, Tradicional, Flor Matizada e Guerreiros Mura estão impedidas de realizar ensaios em seus respectivos galpões até que as adequações sejam realizadas. Outro problema identificado pela justiça é a falta da documentação necessária para que menores de idade possam participar dos ensaios e também do festival.


Recursos – Para a realização do Festival de Cirandas em 2018, o Governo do Estado repassou R$ 605 mil à Prefeitura de Manacapuru, destinado à reforma do Parque do Ingá. A interdição do anfiteatro surpreendeu habitantes e agremiações, levantando questionamentos acerca da aplicação de recursos e da prestação de contas referentes às melhorias que o local teria recebido.

O XXIII Festival de Cirandas de Manacapuru está previsto para os dias 30 e 31 de agosto e 1° de setembro. A ciranda Tradicional abre o festival na sexta, seguido da Flor Matizada, no sábado, e será encerrado pela Guerreiros Mura, no domingo.


* Com informações de Érisson Araújo/Na Hora.

Nas melhoras baladas