FOLHA DE PARINTINS Jornalismo Livre, Presente e Atuante

nailha
13/07/2020 às 19:42 h

UBS Fluvial supera 900 assistidos na região da Valéria

Na primeira viagem do semestre, UBS Fluvial esteve na região da Valéria, limite dos estados do Amazonas e Pará

Foto: Divulgação/Semsa.
Foto: Divulgação/Semsa.

A Unidade Básica de Saúde Fluvial Lígia Loyola retomou, na semana passada, as viagens para a zona rural do município de Parintins. A UBS passou 98 dias com trabalhos exclusivos a pacientes com síndromes respiratórias no porto do Mercado Central. Na primeira viagem realizada na região da Valéria, comunidades Santa Rita, Betel Betessemes e São Paulo foram realizados 955 atendimentos diversos.

A unidade conta com médico, enfermeiro, odontólogo, assistente social, nutricionista, testes rápidos para HIV, sífilis, hepatites e até para Covid-19, onde foram detectados 12 casos positivos e 21 negativos.

O morador da região da Valéria, Antônio Carlos, avaliou os atendimentos promovidos pela equipe. "Com certeza Deus dará o retorno para toda essa equipe que tão bem atendeu a todos nós aqui da região da Valéria nesses últimos dias. Esse retorno agradou a todos nós e nos deixa com sentimento de gratidão", destacou.

O secretário de Saúde, Clerton Rodrigues afirmou que a atuação da UBS fluvial está reforçada com médico exclusivo, além da ambulância que agora está à disposição da unidade. "Foram quase mil atendimentos nessa primeira viagem do segundo semestre, mostrando a eficiência da equipe e o comprometimento em tratar da melhor forma possível. Lembramos que além de todos os procedimentos, nós também estamos promovendo testes rápidos para Covid e em casos de positividade já estamos entregando os medicamentos", descreveu.